Veja como um Porta Pallet pode dar mais eficiência às suas operações logísticas

27 jul, 2020 | Armazenagem | 0 Comentários

longa industrial - logo

Por Longa Industrial

Desde 1964, desenvolvendo soluções em Sistemas de Armazenagem Logística, para empresas de todos o segmentos.

Lidar com grande quantidade de mercadorias é um dos grandes desafios do gerente logístico. Muitas vezes, a armazenagem se torna complexa e exige uma organização mais eficiente, bem como o melhor aproveitamento do espaço. Isso ainda se agrava quando o armazém não dispõe da estrutura necessária para comportar todo o volume de mercadorias com que a empresa trabalha.

Nesse contexto, otimizações são necessárias. Uma das maneiras mais simples e eficientes para resolver o problema citado é a utilização do porta-pallets (ou porta-paletes).

Os porta-pallets são estruturas verticais, destinadas à organização de mercadorias dentro do ambiente do depósito. Funcionam como estantes, cuja característica principal é a acomodação de produtos verticalmente com total segurança e otimização do espaço interno.

Quer saber mais sobre o porta-pallets e como eles podem ajudar a otimizar as operações logísticas da sua empresa? Continue a leitura e conheça as vantagens desse recurso.

Melhor organização do armazém

Sem dúvida, uma das principais características da utilização dos porta-pallets é a organização que a estrutura traz para o armazém. A partir desse recurso, todo o ambiente interno pode ser melhorado em termos de capacidade de estocagem e facilidade de acesso com a seletividade das mercadorias.

A disposição vertical dos pallets otimiza de forma significativa a gestão do estoque ao permitir que tudo seja organizado de maneira sistematizada e, assim, os produtos sejam facilmente encontrados e acessados sempre que necessário.

Além disso, existe também a questão estética do ambiente. Com os  porta-pallets, o depósito não só se torna operacionalmente mais organizado, como também visualmente, graças à padronização de toda a armazenagem.

Tal fator otimiza as condições de trabalho dos colaboradores, por exemplo, com aumento no espaço de deslocamento e melhor circulação de ar no ambiente.

Maior agilidade nas operações

Como reflexo do tópico anterior, o gerente logístico também poderá experimentar mais agilidade nas operações desse setor da empresa. Como mencionado, os porta-pallets trazem um reforço para a organização do armazém, o que influi diretamente na qualidade da execução dos trabalhos.

Por exemplo, um depósito que dispõe desse recurso consegue estruturar melhor o ambiente para a circulação de empilhadeiras. Logo, se esses veículos podem transitar e manobrar com maior eficiência, o processo de deslocamento dos produtos é mais ágil.

Contudo, para que se possa obter a máxima agilidade nesses processos, os operadores das máquinas devem ser treinados para a manipulação de cargas em altura, além de utilizar todo o aparato de segurança pessoal, a fim de evitar riscos à integridade.

Outro ponto que reforça a agilidade nas operações é a otimização na gestão do armazém. A partir dos porta-pallets, todas as mercadorias podem ser padronizadas e organizadas de forma sistemática, facilitando o trabalho dos operadores, que não precisam perder tempo procurando nem retirando os pallets de cima para ter acesso aos que ficam embaixo.

Além disso, vale destacar que os porta-pallets servem de apoio para outros sistemas, como o picking e os armazéns automatizados.

Reforço à segurança do ambiente

Outro ponto que merece destaque na adoção dos porta-pallets é o reforço na segurança do ambiente.

Essas estruturas despontam como uma das melhores alternativas para armazéns que costumam empilhar pallets diretamente uns sobre os outros. Isso porque a estrutura vertical dos porta-pallets reduz os riscos de desmoronamentos e acidentes que podem não só comprometer os produtos, mas também a integridade dos colaboradores.

Além disso, como já pontuado, o sistema em questão otimiza o espaço do depósito, permitindo que empilhadeiras e pessoas possam circular de maneira segura, sem o risco de colisões nas estantes, por exemplo.

Nesse ponto, vale destacar que é muito importante que o armazém seja pensado para a circulação de pessoas e máquinas, de modo que todas as normas técnicas sejam respeitadas.

Redução nos custos de armazenagem

O gerente logístico que opta pelos porta-pallets também percebe redução nos custos de armazenagem. Nesse ponto, a soma de alguns fatores justifica a redução, como:

Aumento do volume de armazenamento

A utilização vertical do ambiente do armazém proporciona um ganho bastante considerável no espaço interno — dependendo, claro, da altura das instalações —, pois os porta-pallets viabilizam a utilização de estantes mais altas, limitando-se apenas à capacidade de alcance das empilhadeiras.

Otimização dos processos operacionais

A organização do ambiente, mais uma vez, é propulsora de ganhos dentro da logística da empresa. A verdade é que, se as mercadorias ficam mais organizadas e mais facilmente encontradas, há um ganho de produtividade somado à redução dos custos com a diminuição, por exemplo, dos deslocamentos de empilhadeiras, poupando combustível e tempo.

Redução de avarias e acidentes

A armazenagem é um processo complexo, especialmente quando se trata de mercadorias sensíveis. Nesse ponto, o porta-pallets traz um ganho interessante.

Por exemplo, como os pallets não são colocados diretamente no chão nem permanecem expostos a colisões, os riscos de acidentes são bastante reduzidos. Além disso, a disposição vertical com o uso das estantes evita a sobrecarga diretamente na mercadoria e, consequentemente, algum tipo de dano por esmagamento.

Facilidade e flexibilidade na montagem

Além de muito eficientes e versáteis, os porta-pallets são estruturas bastante simples e de fácil manuseio. Essa característica revela mais uma vantagem da utilização desse sistema de armazenamento: a flexibilidade.

Graças a essa flexibilidade, os porta-pallets podem ser montados em armazéns com diferentes características, garantindo, assim, o máximo aproveitamento do espaço.

Além do mais, os colaboradores da empresa não encontrarão nenhum tipo de dificuldade no manuseio do porta-pallets, podendo montá-los e desmontá-los sempre que haja necessidade.

Assim, é possível realizar arranjos diferenciados para acomodar cargas de alturas variáveis, a partir de ajustes simples e que não demandam mão de obra especializada.

Por fim, a utilização de porta-pallets é, sem dúvida, uma decisão bastante estratégica na hora de otimizar a armazenagem e, por consequência, as operações logísticas da empresa. As vantagens, como vimos, são de diferentes ordens, e valem todo o investimento feito nesse aspecto.

Gostou do post? Tem interesse em se manter informado sobre soluções logísticas? Então, assine a nossa newsletter e receba os melhores conteúdos sobre o assunto diretamente no seu e-mail!

Conteúdos Relacionados

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This